5 razões inspiradoras pelas quais você deve ousar ser um viajante vegetariano
Vida

5 razões inspiradoras pelas quais você deve ousar ser um viajante vegetariano

O mundo está mudando, e se no passado o número de vegetarianos e veganos era mínimo, hoje em dia não é mais o caso. As pessoas estão se tornando vegetarianas por todos os tipos de razões: para perder algum peso, por razões de saúde ou por razões éticas relacionadas aos direitos dos animais e ecologia. E para alguns, ser um viajante vegetariano é uma coisa assustadora.

Ioga, medicamentos naturais e uma dieta alcalina balanceada estão se tornando enormes em todo o mundo, mas muitos vegetarianos e veganos ainda relutam em viajar, acreditando que pode não encontrar opções de comida adequadas.

E se eu pudesse provar que você está errado? E se ser vegano ou vegetariano não for uma limitação? Veja por que você deve pegar seu passaporte sem medo!

É muito mais fácil do que você pensa

Hoje em dia, ser um viajante que só come comida vegana ou vegetariana é muito fácil. A maioria das grandes companhias aéreas em todo o mundo oferece refeições gourmet veganas e vegetarianas, algumas até oferecem opções de alimentos crus e sem glúten. Já se foi o tempo em que os vegetarianos precisavam empacotar a comida para aqueles longos voos. As companhias aéreas estão muito conscientes da crescente demanda de seus clientes por comida vegetariana, e a maioria de suas refeições são absolutamente deliciosas.

Basicamente, todo restaurante regular oferece algumas opções vegetarianas, mas o número de restaurantes veganos e vegetarianos especializados em todos em todo o mundo irá surpreendê-lo. De refeições simples e fartas a pratos gourmet absolutamente incríveis e caros, não faltam opções para comer sem carne enquanto você está na estrada.

As informações disponíveis são mais amplas hoje em dia também, e você pode acessar fóruns e sites especializados em fornecer informações de todo o mundo.

Metade do mundo vive com uma dieta vegetariana

Acredite ou não, metade do mundo é principalmente vegetariano, especialmente na Ásia. Se você está acostumado com as limitações de seu país, onde você é uma minoria, ficará emocionado ao descobrir que pode viajar facilmente e sem estresse, sem morrer de fome, na maioria dos países asiáticos.

Índia, Tailândia, Nepal e Malásia são um paraíso para os amantes de vegetais. A filosofia budista moldou os alimentos tradicionais desses países. A Malásia, embora seja um país muçulmano e, portanto, não predominantemente vegetariano, foi eleita a meca da alimentação da Ásia e tem recebido inúmeros concursos e eventos gastronômicos, graças à incrível diversidade de comunidades de imigrantes de outros países asiáticos que influenciaram fortemente a culinária local.

Uma refeição caseira completa pode custar apenas um dólar, então prepare-se para uma extravagância de comida no exterior.

Certos países europeus, como como Itália, Alemanha, Grécia e Portugal, também possuem uma grande diversidade de pratos vegetarianos.

É realmente divertido

Experimentar novas maneiras de viver é sempre divertido quando você está viajando. Experimentar a gastronomia local faz parte da compreensão de uma cultura. Quando estiver no exterior, experimente comer em restaurantes locais e aprenda como cada cultura usa os ingredientes, texturas e sabores.

Delicie-se com os curries mais incríveis da Índia, os dhals no Nepal, os pratos fritos de Tailândia, os alimentos ricos e híbridos da Malásia. Se a Europa for o seu destino, você descobrirá como alguns pratos tradicionais são bastante antigos, e alguns deles estão rodeados por incríveis mitos e lendas, como a “sopa de pedra” portuguesa ou a “torta de cólera” suíça.

Inspire-se

Por que você não faz aulas de culinária enquanto está no exterior? Eles são divertidos e geralmente muito acessíveis. Você não só será capaz de saborear novos pratos e sabores, mas realmente se envolverá ativamente na preparação desses pratos, sendo capaz de levar esse novo conhecimento de volta para casa com você. Pense em como será divertido preparar o jantar para a família e amigos e compartilhar suas novas habilidades.

A vida é curta, aproveite ao máximo

A verdade é que a vida também é curto e nenhum de nós sabe quanto tempo viveremos nesta terra. Se o seu desejo por viajar é mais forte do que qualquer coisa, então você deve seguir em frente e conquistar o mundo.

Viajar o expõe a novas situações, novas maneiras de viver, novas ideias. Você conhecerá pessoas de todas as esferas da vida que provavelmente compartilharão muitos dos mesmos interesses, mas nunca as conhecerá se não estiver viajando.

Viajar expande todos os seus limites e o leva para fora da sua zona de conforto. E é aí que o crescimento ocorre. Estar exposto a novas realidades ampliará seus horizontes e o inspirará a viver com mais valorização pelo que você tem e de onde você vem. Você pode aprender um novo idioma ou uma nova habilidade como mergulho, culinária ou surf. Você pode até se apaixonar e voltar para casa com uma mala cheia de ótimas lembranças.